21.10.15

dou voltas, avanço e recuo, o processo torna-se moroso, vácuo. procuro as palavras certas, aquelas que consigam transpor, segundo por segundo, esta sensação opressora de falta de palavras. esta imposição atreita, vazia, de não conseguir o verbo.
a escrita é uma ilusão, uma mentira bem contada em que preferimos acreditar.