28.4.16

emocionei-me o dia todo 
disse o rapaz 
vim-me de manhã 
vim-me de tarde 
vim-me à noite 
sou trabalhador dependente
por conta deste e doutros 
mundos, acrescentou 
a minha imaginação 
concentra-se na minha mão
desce-me o sangue
da cabeça aos pés
e volta a subir
se volta a subir