21.4.16

cada um dirá como preferir, e eu, como Sophia, direi sempre o/a POETA. não aceito o sufixo de compaixão. as palavras forjadas pela alma de uma mulher, corpo inteiro, mais do que a patética costela, não serão também POESIA?