31.7.16

Violeta irá ser submetida à dieta de secura da tia Susana. confesso o meu temor ao radicalismo da solução e afianço que se a pobre morrer de sede, Susana, a tirana das orquídeas, será obrigada a ressarcir-me em montante igual ou superior ao de um bosque tropical, excepto os mosquitos. será ainda da sua inteira responsabilidade, o aproveitamento bio-orgânico dos restos mortais da Violeta, bem como a sua substituição por um quarteirão de buganvílias no meu jardim.
relativamente às perdas afectivas, deverão ser colmatadas, o tanto quanto possível, com várias caixas do melhor chocolate suíço e dúzias de garrafas de jinzu.

nada disto me trará a bela e altiva Violeta de volta, mas será uma tentativa para que Susana, a tirana das orquídeas, não volte a matar...