4.12.16

o sol que vi nascer foi abalroado por um grupo de nuvens escuras que agora se vazam nas minhas janelas. haverá beleza na chuva forte que cai, pois ela existe em todas as coisas, mas a felicidade que me deram aqueles raios amarelos, antecipando um bom dia para secar a roupa e pôr o gato ao sol, abalroou-se também.
el deber de todas las cosas es ser una felicidad, diz Borges, o profícuo, si no son una felicidad son inútiles o perjudiciales.

ora pois muito bem, alguém vá dizer a Nanã que já chega.