8.8.20

azedo

esta casa parece que está cada vez maior, diz a senhora da bata às riscas, enquanto come a fatia de tarte de lima que lhe ofereci. olhe que pensava mesmo que isto era azedo, mas num é, é uma delicia. nunca tinha provado. muito agradecida, menina. eu sei, se sei. a tarte é doce e a casa cresce no vazio das divisões. tens de deixar entrar o sol, Alice, disse-me alguém em tempos, mas recordo-me de que chovia.